domingo, 13 de novembro de 2016

Longe demais

Estou longe demais
para responder à voz suave
da ponta de seus dedos
- Te desejo!

aqui onde eu guardava
derradeiras certezas
debaixo do seio direito
uma lâmina invisível
procede o corte

sou dessas raízes doces
que esperam ser amadas
sem ser arrancadas

Nenhum comentário:

Postar um comentário