terça-feira, 17 de janeiro de 2017

aceitar

um amor que não seja
uma tragédia de Shakespeare
uma amizade que sobreviva
às contradições
uma chuva que esfrie sem matar
aceitar que onde quer que eu vá
já estou onde deveria estar



Nenhum comentário:

Postar um comentário